suporte@lusoaloja.pt | +351 304 500 871 | +351 935 741 691

O que é e para que serve o certificado SSL

Um certificado SSL consiste num código implementado no servidor que permite a encriptação dos conteúdos. Este certificado é utilizado, na maioria das vezes, em websites que necessitem de garantir segurança na manipulação e transferência de dados, como por exemplo em: lojas online, bancos, sites governamentais, entre outros. Ou seja, um certificado SSL permite-lhe adicionar um nível extra de segurança ao seu domínio, assegurando que a transferência de dados entre o servidor e o terminal do visitante é feito de forma encriptada, garantindo assim total segurança contra intercepção de dados confidenciais por terceiros.

Deve ser utilizado um certificado SSL sempre que há dados sensíveis a serem trocados, como por exemplo: dados de cartões de crédito, informação pessoal e confidencial.

Certificado SSL

O que significa SSL?

O SSL (Secure Socket Layer) é um protocolo de segurança desenvolvido, em 1994 pela Netscape, para elevar a segurança dos dados transmitidos pela internet.

O que acontece é que é criado um canal criptografado entre o servidor web e o navegador do utilizador para garantir que todos os dados transmitidos sejam sigilosos e seguros. Como consequência, mesmo que as informações sejam interceptadas elas não podem ser lidas sem que sejam descriptografadas.

O SSL pode ser usado em vários serviços, sendo que o mais comum é o acesso à páginas web.

O que é um certificado SSL?

Os certificados SSL são pequenos arquivos de dados que ligam digitalmente uma chave criptográfica aos detalhes de uma organização/empresa. Quando instalado num servidor web, ele ativa o cadeado e o protocolo “https” e permite estabelecer conexões seguras entre um servidor web e um navegador.

Normalmente, os certificados SSL são usados para proteger transações de cartões de crédito, transferências de dados e logins, e mais recentemente está a ser utilizado para proteger a navegação nos websites dos media.

A empresa/organização que adquiriu o certificado SSL precisa de o instalar no seu servidor web para iniciar as sessões seguras com os navegadores. Uma vez que essa conexão segura é estabelecida, todo o tráfego entre o servidor web e o navegador será seguro.

Quando um certificado é instalado com sucesso num servidor, o protocolo de aplicação (também conhecido como HTTP) mudará para HTTPs, onde o “s” significa “seguro”. Para além disso, dependendo do tipo de certificado que comprou e do navegador no qual está a aceder ao website, uns navegadores mostrarão um cadeado enquanto outros mostrarão uma barra verde.

Porque preciso de um certificado SSL?

Os certificados SSL protegem as suas informações confidenciais, mas trazem também outros benefícios associados:

  • Mantêm os dados seguros entre servidores;
  • Aumentam o ranking no Google;
  • Aumentam a confiança do cliente;
  • Aumentam as taxas de conversão.

Como funcionam os certificados SSL?

Este tipo de criptografia aproveita o poder de duas chaves que são longas sequências de números gerados aleatoriamente.

Um dos números é chamado de chave privada e o outro é chamado de chave pública.

Uma chave pública é conhecida pelo seu servidor e está disponível no domínio público. Esta chave pode ser usada para criptografar qualquer mensagem.

Imagine que temos um website Alfa e um servidor Beta. Se o website Alfa está a enviar uma mensagem para o servidor Beta, ela será trancada com a chave pública do servidor Beta, mas a única maneira de desencriptá-la é desbloqueá-la com a chave privada do servidor Beta. O servidor Beta é o único que tem a sua chave privada, por isso, ele é o único que pode desbloquear a mensagem. Se, por acaso, um hacker interceptar a mensagem antes do servidor Beta desbloqueá-la, tudo o que eles vão ter é um código criptográfico que eles não podem quebrar, mesmo com o poder de um computador.

A LusoAloja tem vários certificados SSL que podem ser indicados para si desde 9.99€/ano. Consulte-nos e fique a saber mais.

Os certificados SSL aumentam a confiança e a segurança dos utilizadores na sua organização/empresa.

Leave a Reply